10 estratégias para aumentar as vendas de sua loja de móveis

Está em busca de estratégias para aumentar as vendas da sua loja de móveis planejados? Então você acabou de encontrar o conteúdo certo! Afinal, tocar um negócio é como andar de bicicleta: é preciso estar em movimento para não cair. Ou seja, é preciso se aprimorar, pesquisar, investir, inovar, se esforçar e persistir sempre.

Mesmo em momentos nos quais o cenário econômico do mercado e do país não se mostram otimistas, manter-se atento e bem informado são pré-requisitos para que a sua empresa alcance o sucesso.

Como nós sabemos que o tempo de um gestor de empresas é bem corrido, preparamos uma lista com dicas valiosas . Elas poderão lhe inspirar a definir as melhores estratégicas para elevar as vendas em sua loja de móveis. Confira!

1. Dê incentivos à sua equipe de vendas

Muitos lojistas colocam como prioridade o investimento no processo de “atração” dos clientes — anúncios, preços competitivos, vitrines elaboradas — e se esquecem de se preparar para o momento mais importante: quando o cliente coloca os pés na loja.

Quem abre a porta para recebê-lo tem um sorriso no rosto? A visita é prazerosa a ponto de ele vai voltar? E quando voltar, ele trará amigos? Respostas positivas para essas questões dependem de um fator essencial: sua equipe.

Um vendedor feliz, disposto, bem informado e prestativo é quase tudo que o cliente quer. Investir e garantir o bem-estar da sua equipe de vendas para que ela também se apaixone pelo seu negócio, deve ser sua meta. Afinal, o sucesso do vendedor é o sucesso da sua empresa!

Invista na capacitação e na motivação da equipe de vendas da sua loja. Como? Promovendo treinamentos, criando possibilidades de desenvolvimento pessoal e profissional de seus colaboradores, oferecendo comissões, bonificações e prêmios, entre outras formas.

2. Crie um ambiente agradável

Você, com certeza, já passou pela situação de entrar em um ambiente tão agradável que não quis sair de lá. E quando se trata de uma loja de móveis, investir na elaboração de um espaço atraente e bem decorado faz toda a diferença. Por isso, mãos à obra!

Organize um showroom criativo e requintado, para que os clientes possam ver na prática como os seus produtos têm qualidade e bom acabamento. Crie cômodos completos e convide os clientes a interagirem com cada detalhe. Faça-os se sentirem em casa, imaginando como aqueles móveis poderiam transformar o seu lar em um ambiente ainda mais confortável.

Além de simular os ambientes de uma casa — dormitório, salas de estar, jantar e televisão, cozinha, banheiro e área externa —, reserve um espaço para o atendimento. É nesse local que serão avaliados os projetos e feitas a negociações de contrato. Por isso, evite a poluição visual, para que o foco seja a negociação. E, claro, não se esqueça de disponibilizar cadeiras confortáveis, biscoitos, água e um café; itens que podem fazer grande diferença na hora de fechar um pedido.

3. Invista em comunicação

Equipe preparada, ambiente aconchegante e organizado, é hora de atrair clientes para viverem a experiência de conhecer sua loja. Para isso, é fundamental desenvolver um bom planejamento de comunicação, que inclua ações adequadas ao tamanho do seu espaço, quantidade de lojas, localização e objetivos.

Nesse ponto, é interessante contratar uma agência especializada, pois ela o orientará sobre a melhor maneira de comunicar com seus clientes, atraindo-os para sua loja.

Assim, o primeiro passo é apurar qual o perfil do seu público-alvo, para depois entender seu “mundo”, ou seja, onde vive, sua profissão, suas motivações, preferências, capacidade de pagamento, entre os outros aspectos. A dica aqui é criar um pesquisa completa para embasar as diversas tomadas de decisão que podem vir a seguir.

Por exemplo, se ao concluir a pesquisa, você perceber que o target de sua loja de móveis planejados é composto por casais, recém-casados, sem filhos e com renda mensal de até dez salários mínimos, sua estratégia de comunicação deve acompanhar essas características.

estratégias de fidelização de clientes

4. Disponibilize diferentes formas de pagamento

Considerando que móveis planejados geralmente têm um alto custo, é fundamental oferecer ao seus clientes facilidades e diferentes possibilidades de pagamento.

Mas, antes de criar a política de pagamento ideal à sua loja, avalie suas finanças, fluxo de caixa e reflita sobre como disponibilizar opções interessantes aos seus clientes e ao seu negócio.

Seja qual for a sua escolha, procure aceitar o maior número de bandeiras de cartão disponíveis., pois seria desagradável perder uma venda por não aceitar a bandeira do cartão de crédito de seu cliente. Não deixe também de proporcionar opções de parcelamento, preferencialmente sem juros. Essa facilidade incentiva os clientes a comprarem mais, pois sabem que pagarão valores reduzidos por mês.

Por fim, considere a possibilidade de disponibilizar carnês de pagamento ou ainda estabelecer uma parceria com uma financeira, o que lhe permitirá oferecer o benefício do parcelamento sem comprometer o seu fluxo de caixa.

5. Estimule a fidelização do cliente

Não é porque o cliente gosta da loja, dos produtos, do atendimento, dos preços e das formas de pagamento que ele será fiel. O tratamento diferenciado e os cupons de desconto podem ajudar, mas sua loja pode mais!

Já existem algumas soluções tecnológicas, como os  bancos de dados de clientes. Eles são formados pelas informações deixadas pelos consumidores no momento da compra, como e-mail, telefone e endereço.

Seja inteligente e use esses meios a seu favor para “conversar” com seu cliente de vez em quando, especialmente em datas comemorativas e outras ocasiões em que o poder de compra e/ou interesse por móveis planejados pode aumentar. Algumas sugestões de contato são:

  • informar sobre uma nova promoção;
  • enviar um cartão de aniversário que ofereça um desconto exclusivo;
  • checar se ele ficou satisfeito com a compra e se o produto comprado tem atendido à necessidade;
  • sugerir algum produto que combine com aquele que foi comprado recentemente.

Para compor esse banco de dados, também chamado de mailing, você não precisa se limitar às pessoas que já são seus clientes. Seja no ambiente físico ou no ambiente virtual (site do seu estabelecimento), procure criar situações em que os visitantes deixem seus dados de contato. Valem sorteios de produtos, descontos em parceiros e download de e-books com assuntos relacionados à arquitetura e decoração

6. Use a tecnologia para vender móveis planejados

Vamos resumir em uma frase com ares de conteúdo motivacional: quem não planeja, tem destino, quem planeja, tem futuro! Concordamos que esse não é um dos trabalhos mais fáceis, mas a tecnologia está aí para facilitar a sua vida.

Descubra quais os lançamentos em softwares relacionados a rede moveleira e avalie a aplicabilidade em seu negócio. Existem inúmeras opções e a principal e indispensável é aquela que proporciona uma gestão automatizada do seu negócio.

Um bom software de gestão economizará aqueles minutos preciosos que muitas vezes são gastos em processos burocráticos, fazendo sobrar mais tempo livre para que você possa investir em inovação e no crescimento da sua empresa!

7. Faça revisões constantes em seu plano de vendas

Mesmo que tudo siga de acordo com o plano, você deve se perguntar: “será que estou mesmo fazendo tudo certo?”. Podem ser palavras simples, mas já fazem uma grande diferença nas vendas da sua loja de móveis. Transformar esse tipo de questionamento em um hábito contribui para o aprimoramento constante dos seus protocolos e do seu atendimento.

Em termos mais práticos, você pode marcar um dia por mês ou por semana para se reunir com a equipe de vendas de sua loja e avaliar como o trabalho vem sendo conduzido. Peça a eles um feedback, sugestões e verifique se existe alguma forma de tornar o trabalho de todos mais eficiente.

Atente-se aos colaboradores que não estão alcançando bons resultados e procure entender os motivos. Você poderá descobrir que é o momento de trocar algum colaborador, seu escopo de atividades ou apenas buscar novas estratégias para aumentar as vendas. Reavaliar a própria atuação enquanto empreendedor é o que separa as pequenas das grandes empresas.

8. Estude as novas tendências

Para conseguir aumentar as vendas de sua loja, você precisa estar atento a tudo o que acontece no mercado de móveis e decoração. E, principalmente, disponibilizar aos seus clientes produtos atuais e que espelham os desejos de seus clientes.

Para isso, não deixe de acompanhar todas as feiras e eventos do setor a que tiver acesso. Além de fazer networking, isso o manterá informado e o ajudará a oferecer peças que são tendência com muito mais conhecimento.

Um exemplo prático: dependendo do target de sua loja, é possível que alguns clientes lhe procurem citando referências de designers famosos ou alguma marca favorita. Portanto, se você e sua equipe de vendas estiverem atualizados, poderão conduzir essa venda da melhor maneira. E mais! Demonstrar que o seu estabelecimento conta com os últimos lançamentos.

9. Conquiste o cliente no PDV

Quanto de divulgação é necessário para conseguir atrair um cliente? Fácil saber. Após a execução de todo o planejamento de comunicação em que foram investidos recursos para atrair a atenção do seu público-alvo. Desta forma, ele finalmente chegará ao seu ponto de venda.

Nessa situação, um atendimento cordial pode ser o divisor de águas entre o “estou só olhando” para “estou procurando um móvel desse jeito para a minha sala de estar”. Procure descobrir os interesses de seus clientes, mas cuidado para não se tornar invasivo e insistente.

O ideal é mostrar-se disponível, deixando-o à vontade para que lhe consulte caso tenha alguma dúvida. Não se esqueça de investir em comunicação visual! Você pode utilizar cartazes, displays e outras peças gráficas que despertem a curiosidade de seu cliente a conhecer melhor os seus produtos e/ou promoções.

10. Tente oferecer algo original

Você talvez note que as vendas da loja de móveis costumam vir principalmente de algum produto característico, algo que sua empresa oferece e que é único. Se esse produto já é reconhecido, basta garantir que ele acompanhe o crescimento da demanda.

Um item único no catálogo apresenta várias vantagens. Primeiro, é algo que sua concorrência não pode oferecer tão facilmente. Segundo, é um dos motivos principais para que os clientes recomendem seu serviço.

Explore as qualidades desse item em suas ações de comunicação. E, se considerar interessante, ofereça variações desse mesmo produto (diferentes modelos e cores).

Neste post você acompanhou importantes estratégias para aumentar as vendas de sua loja de móveis. Conforme visto, algumas pequenas ações podem representar um avanço significativo e, portanto, é preciso se aperfeiçoar e implementar ações que contribuam para o crescimento de seu negócio. Sendo assim, não perca mais tempo! Comece a aplicar o que aprendeu hoje e desfrute de boas vendas!

Gostou das nossas dicas? Aproveite para conhecer o perfil dos clientes que compram móveis planejados, baixando o nosso e-book! É rápido e totalmente gratuito!

estratégias de fidelização de clientes

Deixe um Comentário

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar

trocar planilhas por software de gestão