Google Shopping: o que é e como aproveitar essa ferramenta

As lojas online têm obtido cada vez melhores resultados, considerando que grande parte dos consumidores tem optado por fazer suas compras sem sair de casa. No entanto, esse é um mercado bastante competitivo, e, por isso, investir em mídias pagas, como o Google Shopping, é uma ótima alternativa para quem busca alavancar seus resultados.

Quer conhecer melhor como funciona essa ferramenta e as suas vantagens? Então, continue a sua leitura!

O que é o Google Shopping?

Trata-se de uma espécie de plataforma de vendas que apresenta os produtos de diversas lojas virtuais. Assim, o cliente que está buscando por uma televisão, por exemplo, digita o modelo no buscador e clica na alternativa “Google Shopping”.

Esta plataforma é vista como um serviço disponibilizado pela Google, que possibilita aos vendedores promoverem seus produtos e serviços, gerando o aumento do tráfego para o e-commerce e, consequentemente, das vendas.

Como os anúncios do Google Shopping funcionam?

A ferramenta funciona como um comparador de produtos, que expõe para o público uma lista de itens com nome, foto, preço, nome do vendedor e demais informações. Em somente um clique, o usuário pode verificar várias lojas virtuais que vendem o item desejado e comparar preços de maneira instantânea e simples. Esses anúncios de shopping podem ser exibidos aos internautas nos seguintes casos:

  • YouTube;
  • rede de pesquisa da Google;
  • rede de Display da Google;
  • Google Shopping/Compras;
  • Gmail;
  • Google Imagens.

Como aderir ao Google Shopping?

Para aderir ao Google Shopping, é preciso seguir o passo a passo a seguir:

Crie uma conta no Merchants Center

Para começar o processo, é necessário criar uma conta no Merchants Center, que se trata de uma plataforma do Google, que recebe as informações dos produtos e os oferece para serem usados nas ações do Google Ads. Criar essa conta proporciona a oportunidade de fornecer dados relevantes ao Google relativos aos produtos.

Faça o cadastro do feed de produtos

Ao fazer o cadastro do feed, é possível dar ao Google todo o conteúdo que ele precisa para expor seus anúncios. Essa não é uma tarefa tão complicada, já que é preciso apenas preencher uma planilha oferecida pelo próprio Google.

Vincule as contas do Google Ads e Merchants Center

Essa é a última medida para que tudo seja acertado, e você possa vender seus produtos no Google Shopping. Sendo assim, após fazer o preenchimento no feed, é necessário realizar a conexão da conta do AdWords à do Google Merchant.

Como fazer com que os anúncios aumentem as vendas da sua loja?

Para alcançar os resultados pretendidos com a adesão ao Google Shopping, que, na maioria dos casos, é captar clientes e alavancar as vendas e receitas, existem algumas práticas no momento de programar o anúncio dos itens ofertados. São exemplos:

  • investir em preços promocionais;
  • inserir o máximo de informações a respeito do produto, como preço, tamanho, imagem, cores e demais;
  • dar maior destaque aos produtos campeões de venda;
  • incluir serviços úteis, como o Adwords Grouping, que têm o objetivo de reunir os produtos por categorias da maneira que achar melhor.

Quais são os diferenciais do Google Shopping?

O Google Shopping apresenta diferenciais que podem ser bastante vantajosos para o negócio. Veja os principais!

Organização financeira

Ao optar por fazer o anúncio na ferramenta, é possível estipular o montante a ser investido, o que assegura controle total ao valor destinado a ela e uma melhor organização financeira.

Aumento da visibilidade

Ao anunciar no Google Shopping, a loja virtual alcança maior visibilidade, já que aparece sempre que o usuário procurar por determinado item no buscador. Dessa forma, o negócio pode estar em evidência mesmo para o público que ainda não a conhece.

Filtro de pesquisa

O recurso apresenta vários filtros para quem está disposto a realizar a compra. Então, é possível escolher por faixa de preço, modelo, marca e demais características. Isso também colabora para que a loja apareça nos resultados da busca.

Maiores chances de negócio

É possível fazer uma pesquisa sobre os preços praticados pelos concorrentes e realizar uma oferta mais atrativa para que o negócio consiga ficar entre os primeiros resultados. Assim, aumenta as chances de o consumidor clicar no produto e ser direcionado para a página da loja.

Como gerenciar a sua loja online para atender ao aumento da demanda?

Você pode criar um plano preciso e, assim, estar preparado para o aumento da demanda. Veja algumas estratégias que podem ser implementadas.

Monte uma boa equipe de atendimento ao cliente

O aumento da demanda gera a necessidade de uma maior comunicação com os clientes. Por este motivo, é importante investir em uma boa equipe para atendê-los com excelência. Afinal, essa é uma etapa extremamente importante, considerando que ela fará com que os clientes fiquem satisfeitos com o trato e voltem a comprar na loja.

Aposte nos canais de comunicação

Uma loja online precisa oferecer vários canais de comunicação, como telefone, e-mail, WhatsApp, redes sociais, site, entre outros. Então, busque concentrar os esforços nos canais mais procurados pelos consumidores.

Essa é uma forma interessante de lidar com a alta busca dos clientes pelos produtos, além de fazer com que eles vejam o negócio como uma empresa eficiente e que está disposta a oferecer um atendimento de qualidade.

Controle o estoque

Para fazer o controle de estoque, é preciso acompanhar os produtos armazenados para assegurar que as vendas online aconteçam de maneira natural, sem ter itens em excesso ou em falta no estoque. Entre suas vantagens, está a possibilidade de monitoramento do fluxo de entrada e saída de mercadorias e uma visão mais ampla que viabiliza um gerenciamento mais efetivo do negócio.

Nesse caso, uma boa ideia é implementar um sistema de gestão ERP, capaz de integrar todas as áreas do negócio e centralizar os dados sobre os produtos que chegam ao estoque e aqueles que são vendidos, o que ajuda no gerenciamento do catálogo nos mais variados canais de vendas.

Agora que você entende melhor o que é e como funciona o Google Shopping, chegou o momento de repensar se contar com esse tipo de tecnologia não é o que a sua loja virtual precisa para alavancar suas vendas de vez.

Quer saber como nossa solução pode ajudar nesse processo? Então, fale com um consultor e peça uma demonstração!

como diminuir custos com rotatividade
como diminuir custos com rotatividade

Deixe um Comentário

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar